Chinese (Simplified)EnglishFrenchGermanItalianJapanesePortugueseSpanish

Carlos Gayoso de Oliveira, diretor da Marina Itajaí, participará da série “Live Talks Vocações Turísticas de SC”, promovida pelo Observatório do Turismo Santa Catarina da Fecomércio – Observasctur na terça-feira, 9, às 18h. Será transmitida pelo YouTube através do link: https://www.youtube.com/observasctur

Março de 2021 – O diretor da Marina Itajaí Carlos Gayoso de Oliveira participa da série “Live Talks Vocações Turísticas de SC” nesta terça-feira, dia 9 de março, a partir das 18h, ao vivo. Também está confirmada a participação de Michele Castilho Diretora de Turismo da Associação Náutica Brasileira (Acatmar). A entrevista, a primeira sobre o tema “Turismo Náutico” promovida pelo Observatório do Turismo Santa Catarina da Fecomércio (Observasctur), será conduzida por Luis Fernando Albalustro, Gestor do Observasctur, e transmitida pelo canal do YouTube: https://www.youtube.com/observasctur

Carlos Gayoso de Oliveira irá falar sobre o desenvolvimento do turismo náutico catarinense, mesmo diante da pandemia, crescimento em termos de ocupação de vagas da Marina Itajaí e planos de expansão, além de tirar dúvidas dos internautas sobre a setor.

Formado em engenharia civil, o diretor da Marina Itajaí também possui certificação norte-americana da Internacional Marina Institute, subsidiário da AMI, curso considerado líder mundial em treinamento e certificação para profissionais de marinas. Carrega vasta experiência em administração e está à frente da direção da Marina Itajaí que se tornou referência internacional em turismo náutico.

Turismo náutico em SC cresce na pandemia

O turismo, como um todo, ocupa posição de destaque na economia catarinense. O setor responde por 12% do PIB estadual, conforme levantamentos da Agência de Desenvolvimento do Turismo de Santa Catarina (Santur) e Fecomércio. Entretanto, em função da pandemia foi um dos setores mais atingidos. Na contramão, o mercado náutico cresceu de forma exponencial. 

“Em função da pandemia da Covid-19, o turismo náutico doméstico está aquecido. As pessoas passaram a buscar maneiras de valorizar ainda mais o convívio em família com segurança. De acordo com dados da Associação Brasileira dos Construtores de Barcos e Seus Implementos (ACOBAR), o crescimento em venda de barcos foi de 20% em 2020. A Marina Itajaí acompanhou esse ritmo, com crescimento também de 20% em ocupação de vagas no último ano, em comparação com o anterior”, explica o diretor da Marina Itajaí Carlos Gayoso de Oliveira.

Santa Catarina é o segundo maior estado na produção de embarcações e é responsável por 32% dos empregos gerados no setor, segundo dados do Sebrae/SC levantados em 2013. Com 561 km de extensão, a costa catarinense também revela grande potencial para o turismo náutico com belíssimos destinos para a navegação. Dentro deste cenário, Itajaí vem se consolidando como importante polo brasileiro pela concentração de estaleiros nacionais e internacionais, além de serviços e estrutura de marina. Prova disso é a Lei Estadual Nº 17.587 reconheceu oficialmente Itajaí como a Capital da Construção Naval e do Turismo Náutico.